• @UsConservadores

O Foguete Notável

Atualizado: 10 de Nov de 2020


Com o resultado das urnas na eleição americana, Donald Trump, que encontra-se em estado de negação, afirma que a eleição foi fraudada e que pretende levar o caso ao âmbito judicial. Trump, no entanto, não apresentou nenhuma evidência que sustentasse sua tese e sua reação parece mais um alarido indesejável do que qualquer outra coisa. Quase ninguém está a levar sério o estado de luto de Trump, o que pode lhe conferir o título de foguete notável, como na obra de Oscar Wilde.


Trata-se da história de um foguete realmente presunçoso. Gabando-se às demais categorias de foguetes que seriam lançados no casamento da filha do rei, o foguete notável era, como ele mesmo disse, de família nobre. Seria utilizado numa ocasião que, segundo ele, era digna de sua honra. Mas o foguete, além de desprezar os demais fogos, era extremamente sensível, e falando de si mesmo e já antecipando um cenário que nem mesmo estava próximo de anunciar sua chegada, chorou copiosamente. À medida em que seu choro aumentava, ele molhava-se cada vez mais, ao passo que era orientado pelos demais fogos: "é melhor você ficar seco". Não dando ouvidos aos conselhos, ele continuo em sua manifestação teatral de sentimentalismo até que, quando o grande momento chegou, de todos os fogos que estavam no local, o foguete notável foi o único que não pode elevar-se.


Quem pensa que isso poderia lhe conferir algum tipo de humildade, está a enganar-se. Pensou que haveria uma ocasião muito mais digna de sua performance. Porém, no momento em que foi encontrado por trabalhadores do rei, após a festa, foi lançados aos ares, longe das habitações do rei, até que caiu na lama. Foi encontrado por uma rã, depois por uma libélula e por uma pata, mas, segundo ele, todos perderam em ausentar-se de sua presença — frase que pronunciou após ser abandonado por todos. Mais tarde, foi encontrado por dois garotos, esforçando-se ao máximo para mostrar alguma importância. Os garotos apelidaram-no de "vareta", o que, para o foguete, foi um verdadeiro insulto. Contudo, o foguete notável ficou satisfeito em saber que seria lançado às chamas, pensando, portanto, que finalmente iria mais alto que as estrelas — mesmo que o verdadeiro propósito dos garotos fosse, na verdade, ajudar a ferver uma chaleira . Entretanto, ele ainda estava muito úmido, o que resultou na exaustão dos garotos, que adormeceram. Finalmente, quando o foguete notável explodiu, dizendo que incendiaria o mundo e que ninguém falaria de outra coisa o ano inteiro, ninguém o percebeu, ninguém o notou, restando apenas a sua vareta, que incomodou um ganso que passava nas proximidades.


Trump, o foguete notável, está a anunciar ao mundo uma grande explosão. Está a dizer que venceu as eleições, e que a vitória de seu adversário é, na realidade, uma mentira. Está ficando cada vez mais úmido, e mais úmido, e mais úmido, até que, quando chegar o momento da suposta explosão, não poderá elevar-se. Está a desprezar os demais fogos que compõe uma celebração, mergulhando em uma verdadeira demonstração de presunção. Exalta sua dignidade diante das massas, mas só o que está a fazer é um tremendo zumbido. Será lembrado como uma vareta usada, que anunciou um grande evento, mas que nem teve forças para subir. Pobre foguete, em breve cairá e incomodará diversos gansos. Trump deveria ouvir o conselho de alguém que não o trata como herói: é melhor você ficar seco.


Por Renan Jorge

31 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Receba Nossos Artigos:

Os Conservadores © 2020